Você está em: Assessoria Econômica > ABBC Destaca

Assessoria Econômica

ABBC Destaca

Termômetro do Crédito – Juros em alta e inadimplência estável no ano

A perda de ritmo da atividade econômica neste primeiro semestre continua refletindo no mercado de crédito, em especial o voltado às empresas com recursos direcionados. O saldo da carteira do SFN cresceu apenas 0,4% na margem, 1,2% no semestre. Em relação a mai/18, houve desaceleração de 0,3 p.p. no ritmo de crescimento para 5,1% a.a. Em relação ao PIB, manteve-se em 47,2%. Por sua vez, o crédito ampliado para famílias e empresas expandiu-se 2,1% no semestre e 7,7% em 12 meses, impulsionado possivelmente por operações no mercado de capitais.
 
Em junho, o saldo das operações com Pessoas Jurídicas (PJ) retraiu-se 2,9% em relação a dez/18, enquanto que a carteira PF cresceu 4,5%. Ainda que em ritmo gradual, as instituições financeiras privadas continuam impulsionando a recuperação da carteira, com alta da ordem de 13,4% a.a., enquanto que as instituições públicas intensificaram a trajetória cadente, fechando jun/19 com baixa de 2,2% em 12 meses. Praticamente igual à verificada em dez/18, a taxa de crescimento das concessões totais acumuladas em 12 meses subiu 0,3 p.p. na margem para 11,9% a.a.. No ano, a retração dos novos empréstimos para PJ (-2,0 p.p.) é compensada parcialmente pelo aumento das concessões para PF (+1,4 p.p.).
 
Embora a taxa média de inadimplência tenha recuado na margem para 2,9% em junho, mantendo-se estável no ano, a taxa média de juros avançou de 23,2% em dez/18 para 25,2% em junho. Em consonância, mesmo com a queda no custo médio das captações (-0,4 p.p. no mês e -0,6 p.p. no ano), o spread médio das concessões elevou-se em 0,4 p.p. no mês, para 19,6%, o que representa uma alta de 2,6 p.p. ante dez/18.
 
Para ler na íntegra, clique aqui.
cww trust seal
Endereço:
Av. Paulista, 1.842 - 15º andar - conj. 156
Edifício Cetenco Plaza - Torre Norte Cerqueira César - CEP: 01310-923
São Paulo - SP
Telefone: (5511) 3288-1688
Fax: (5511) 3288-3390