Você está em: Assessoria Econômica > ABBC Destaca

Assessoria Econômica

ABBC Destaca

Comportamento Semanal de Mercado | 14 a 21 de setembro de 2018

Alívio momentâneo nas tensões comerciais
 
O aumento das sobretaxas para importação pelos EUA menor que o antecipado pelo mercado serviu para arrefecer as tensões no comércio internacional, o que possibilitou na semana uma melhora momentânea na percepção de risco, favorecendo o preço dos ativos emergentes. Em relação ao real, o dólar encerrou em R$ 4,05, com uma queda de 2,88%. A semana contou, ainda, com a manutenção da taxa Selic em 6,50% a.a., porém persistem dúvidas referentes à magnitude e duração do choque cambial nas expectativas inflacionárias e no nível de preços. Segundo o Copom, com juros e câmbio constantes a 6,50% a.a. e R$/US$ 4,15, as projeções se situariam em torno 4,50% para 2019, acima da meta. A taxa pré de 360 dias contraiu-se em 0,17 p.p. para 7,99% a.a.. Influenciadas pelas alterações para o mês de setembro, a projeção de inflação de 2018 elevou-se proporcionalmente. As expectativas para 2019 elevaram-se em 0,07 p.p. para 4,18% e a taxa real de juros ex-ante caiu 0,30 p.p. para 3,80% a.a. A despeito da deterioração nas expectativas, a inflação corrente surpreendeu positivamente, com o IPCA 15 de setembro variando apenas 0,09%.
 
Para ler na íntegra, clique aqui.

Endereço:
Av. Paulista, 1.842 - 15º andar - conj. 156
Edifício Cetenco Plaza - Torre Norte Cerqueira César - CEP: 01310-923
São Paulo - SP
Telefone: (5511) 3288-1688
Fax: (5511) 3288-3390